domingo, 16 de maio de 2010

letra de samba


eu já não tenho mais peito pra tanto batuque
pra tanto ziriguindum
e muito menos quadril ou jogo de cintura
pra tanta amargura
até o amargo de cerveja não me desce mais
o gosto de whisky já não satisfaz
e no final
o gelo ficou

onde tinha que ficar
no fundo do copo e do coração
na menor escala dessa canção
na aspirina e na inspiração
na risada que eu sorri
no edredon já não fico mais
a maquiagem fica pra trás
não me fale de amor no Rio
nem de carnaval
nem de carnaval

caipirinha com limão e sal

Um comentário:

deixa tua marca