sábado, 16 de janeiro de 2010

cores

a caneta se calou e o pincel se fez cores em todos os lugares em que ela insistia em sonhar. a vida era mais leve e os sonhos mais vívidos na presença da dose diária das 4.

mas as memórias e os pensamentos corriam mais rápido que nunca.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

deixa tua marca