terça-feira, 18 de agosto de 2009

like money

em uma cidade em que o inverno é quente, o verão cinza e o passado definitivamente não ficou pra trás e, assim como o perigo, mora ao lado, não é de se espantar que as coisas mais sólidas geralmente se desmanchem mais rápido. ou que aquilo que já se desmanchou e virou pó tome forma e vida outra vez ao cair no leite - ou no leito, quem sabe - quente.
daquela vez ele desviou o olhar, mas viu mais no fundo que nunca. ela fez aquele riso bobo, de quando ela sabia que indiferença não era ignorância. e continuou o que estava fazendo antes. ela concluiu que tentou vesti-lo do outro - e que ironicamente ele tentou o mesmo. mas os disfarces não cabiam em ninguém a não ser nos próprios donos.

i'd spent you.

Um comentário:

deixa tua marca