quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

de cinzas


traz meu edredon e meu sono de volta, quero a maior ressaca do mundo. e que queimem todas as carnes, todos os desejos: é quarta-feira de cinzas. lá fora chove, aqui dentro é tudo sol. as escolas de samba já não fazem mais barulho, minha cama já não é mais tão dura, eu já não sou mais tão rígida. e não que isso seja bom, mas também que não seja ruim. eu só queria o maior porre do mundo acompanhado de garrafas dançantes que me convidam a me embriagar mais.

minha mãe me deu um remédio. acho que estou delirando... e não que isso seja ruim.


depois do fogo sempre vem as cinzas. e o meu aniversário!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

deixa tua marca