quarta-feira, 12 de novembro de 2008

'pára de lembrar dele! voce falou dele o dia inteiro ontem! se não tá aguentando, pede arrego!' a amiga superegava, como sempre.


'não sei, bateu uma saudade... minha mãe tava jogando umas roupas velhas fora e encontrou uma blusa que ele me deu...' ela tentava se justificar sem sucesso...


'hm, mas é so uma blusa...' a amiga não sabia o contexto.


'não, é a blusa com que ele tava vestido a primeira vez que eu o vi...'


'ah, ams ainda assim é só uma blusa.' ela dava uma de freud... porque às vezes uma blusa era só uma blusa


'não,voce nao tá entendendo. eu só fui falar com ele pq ele tava com aquela blusa!' ela agora contextualizava.


'e ele te deu a blusa?'


ela acenou com a cabeça que sim.



e dessa vez ela sabia qeu uma blusa às vezes não era só uma blusa...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

deixa tua marca